sexta-feira, 24 de agosto de 2012

EITA MUNDÃO DE MEU DEUS! CHEGAMOS NA TERRA DA MULHER RENDEIRA... CHEGAMOS NO CEARÁ... VAMOS LÁ QUE É LINDO DEMAIS, VAMOS APRENDER A NAMORAR...




CEARÁ - CAPITAL FORTALEZA
 
REGIÃO:
NORDESTE
 
 
ÁREA:
146.348,30 KM²
 
 
HABITANTES:
8.450.527
 
 
CLIMA:
TROPICAL
 
 
MUNICÍPIOS:
184
 
 
LIMITES:
NORTE E NORDESTE / OCEANOATLÂNTICO, LESTE / RIO GRANDE DO NORTE E PARAÍBA, SUL / PERNAMBUCO, OESTE / PIAUÍ
 
 
CIDADES IMPORTANTES:
FORTALEZA, JUAZEIRO DO NORTE, CRATO, CARIRI, SOBRAL, ITAPIPOCA, IGUATU, QUIXADÁ, MARANGUAPE, EUSÉBIO, HORIZONTE, MARACANAÚ.
 
 
RIOS IMPORTANTES:
JAGUARIBE, COREAÚ, CURU, ARACATIAÇU, ARACATIMIRIM, MUDAÚ, TRAIRI, CEARÁ, COCÓ, PACOTI, CHORÓ E PARNAÍBA.


FORTALEZA

Abriga o maiorparque aquático da América Latina, o Beach park, na praia do Porto das Dunas,que recebe cerca de 1 milhão de visitantes por ano. O estado também abriga oquarto maior estádio de futebol do Brasil, o Estádio Governador Plácido Castelo(castelão), que tem capacidade para 67.000 pessoas.
O Ceará apresentaa melhor qualidade de vida do Norte-Nordeste. O estado é conhecidonacionalmente pela beleza de seu litoral, pela religiosidade popular e pelaimagem de berço de talentos humorísticos. A jangada, ainda comum ao longo dacosta, é considerada um dos maiores símbolos do povo e da cultura cearenses. OCeará concentra 85% de toda caatinga do Brasil. Terra de Rachel de Queiroz,Patativa do Assaré e José de Alencar, o Ceará também descobriu os maioreshumoristas do país como Renato Aragão e Chico Anysio; além do cearense doséculo, Padre Cícero; e atores famosos como José Wilker, Gero Camilo etc...

O Ceará éconhecido como "Terra da Luz", numa referência à grande quantidade dedias ensolarados, mas que também remonta ao fato de o estado ter sido oprimeiro da federação a abolir a escravidão, em 1884, quatro anos antes da LeiÁurea. Por esse fato, o jornalista José do Patrocínio considerou o estado como"a terra da luz”.
Os fatos históricos sobre oterritório cearense, provavelmente começaram a ser registrados na históriamoderna a partir do Século XVI. Os primeiros registros descrevem essa região doBrasil, já habitada por diversas etnias indígenas, que viviam da extração derecursos naturais, pesca, agricultura e comércio com povos europeus.
PLANTAÇÃO DE CARNAÚBA

A formação histórica do atualCeará é o resultado de diversos fatores sociais, econômicos e de adaptação aosolo e natureza, tais como: a interação entre os povos nativos, os europeus eos africanos; a interação desses povos envolvidos (índios, europeus eafricanos) com o fenômeno da seca.

O Ceará era habitadoancestralmente por povos indígenas. Em 1799, o Ceará adquiriu independência emrelação à Pernambuco. No final do século XVIII, especialmente com a Guerra deIndependência norte-americana, o algodão foi tomando relevante papel na pautade exportações do Ceará. Com o declínio do charque, cuja distribuição eracentrada em Aracati, Fortaleza se tornou a principal cidade cearense devido àsua condição de destino dos produtos agrícolas cultivados nas diversas serrasque se elevam nas vizinhanças do município.

O Ceará é cercado por formaçõesde relevo relativamente altas: chapadas e cuestas: a oeste é delimitado pelaSerra da Ibiapava; a leste, parcialmente; pela Chapada do Apodi; ao sul pelaChapada do Araripe; e ao Norte pelo Oceano Atlântico. Daí o nome de DepressãoSertaneja à área central. Em Catunda, na Serra das Matas, encontra-se o pontomais elevado do estado, o Pico da Serra Branca, com 1.154 metros. Nas serraspouco elevadas, surge vegetação semelhante às das vertentes de sotavento dasserras úmidas, isto é, uma vegetação similar à caatinga mas bastante mais densae com distinções na fauna e flora, conhecida como mata seca.
AQUIRA
PALÁCIO IRACEMA


O território cearense é divididoem sete bacias hidrográficas sendo a maior delas a do rio Jaguaribe. Sua baciahidrográfica compreende mais de 50% do estado. O rio tem 610 km de extensão. Osdois maiores reservatórios de água do Ceará são barragens que represam oJaguaribe: Açude Orós e Açude Castanhão com as respectivas capacidades dearmazenamento 2,1 e 6,7 bilhões de metros cúbicos. Os afluentes maisimportantes do rio Jaguaribe são os rios Salgado e Banabuiú.

No litoral, que se estende por573 km, predominam os mangues e restingas, vegetação litorânea típica, além deáreas sem vegetação recobertas por dunas. Mesmo com altitudes muito poucoelevadas, as pluviosidades e a umidade são maiores que na Depressão Sertaneja.A planície litorânea possui geografia diversificada, o que faz com que o estadopossua praias com coqueirais, dunas, barreiras (também chamadas falésias pormuitos) - paredões sedimentares que acompanham a faixa da costa e, em algunstrechos, possuem tons coloridos - e áreas alagadas de manguezal, onde há grandebiodiversidade. As praias mais famosas do Ceará são: a Praia de jericoacoara, aPraia de Canoa Quebrada e a Praia de Porto das Dunas, dentre outras, as quaisse destacam por alcançar fama internacional. Regionalmente, outras praiasdestacadas são: a Praia das Fontes, Morro Branco, Icaraí, Presídio, Baleia,Flecheiras, Cumbuco e Lagoinha. O litoral cearense é atravessado por duasrodovias, a Costa do Sol Nascente e a Costa do Sol Poente, que, a partir deFortaleza, direcionam-se para o litoral leste e oeste, respectivamente. NoCeará existem dois parques nacionais. O Parque Nacional de Ubajara, atérecentemente era o menor parque em área, com 563 ha, passando a ter atualmente6.299 ha. Abriga em seu interior a Gruta de Ubajara e um bonde de acesso àgruta, sua maior atração. O segundo é o Parque Nacional de Jericoacoara. Outrasáreas de preservação ambiental importantes são as florestas nacionais doAraripe e de Sobral. Existe, ainda, a Área de Proteção Ambiental da Chapada doAraripe, com 10.000 km², que se estende por 38 municípios do Ceará, Pernambucoe Piauí.
JIPOCA DE JIRICOACOARA
DUNAS

Os ecossistemas do Estado estãoprofundamente danificados e muito pouco preservados. As regiões de florestatropical e cerrado, nas serras e chapadas de elevada altitude, possuem grandeconcentração demográfica, intenso uso para fins agropecuários e,comparativamente, pouca preservação e fiscalização ambiental. Os crimesambientais são praticados constantemente em áreas como a APA Araripe -sobretudo as queimadas e retirada de lenha - e não podem ser reprimidos devidoao parco efetivo de fiscais, dentre outros motivos. Atualmente a mata Atlânticaocupa apenas 1,2% do território do Estado, tendo sido bem mais extensa nopassado, mas 44% do restante está em áreas de preservação, o que, porém, nãotem garantido sua total conservação. Em situação ainda mais grave está aextensa caatinga cearense, que conta com uma ínfimos 0,45% de preservação. Emtodo o estado, os dias mais frios ocorrem geralmente em junho e julho e os maisquentes, entre outubro e fevereiro. Nas áreas serranas, onde impera o climatropical semi-úmido e, em altitudes mais elevadas, úmido, as temperaturas sãomais baixas. O clima do Ceará é marcado pela aridez. As secas são periódicas,e, desde que a ocupação territorial foi consolidada, a população tenta resolvero problema da escassez de água. A Seca de 1606 foi a primeira a marcar ahistória da ocupação do território. Outras secas importantes foram asregistradas em 1777 e 11778, responsáveis pelo enfraquecimento da indústria dascharqueadas, que teve seu golpe final no período de grandes secas entre 1790 e1794.

O povo cearense foi formado pelamiscigenação de indígenas catequizados e aculturados após longa resistência,colonizadores europeus e negros que viviam como trabalhadores livres ou escravos.O povoamento do território foi bastante influenciado pelo fenômeno natural daseca O Ceará foi o estado que maisdiminuiu a mortalidade infantil de 1980 a 2006, atingindo 30,8 por mil a partirda altíssima taxa de 111,5 por mil de 1980. Houve, portanto, uma redução de72,4%. Ainda assim, o Ceará em 2008 estava acima da taxa de mortalidadenacional de 24,9 por mil. Em 2008, o Ceará atingira índices sociais mais altosque a média do Nordeste em diversos aspectos, como a expectativa de vida,escolaridade média e analfabetismo funcional, e apresentava tendência àdiminuição de sua disparidade com relação à média do Brasil, superando já oíndice nacional no tocante ao desemprego, ao índice de Gini e à razão entre os10% mais ricos e os 50% mais pobres da população, denotando uma desigualdade derenda que, outrora maior que a brasileira, tornou-se ligeiramente menor apartir de 2006.
BIBLIOTECA DE SOBRAL
PRAIA DO FUTURO


A partir da década de 1960 houveuma progressiva industrialização e urbanização, que ganhou impulso a partir dadécada de 1980, em parte devido à política de concessão de benefícios fiscais aempresas que se instalassem no estado. Atualmente, embora sendo ainda umaeconomia sub-industrializada em relação a vários outros estados do Brasil, aeconomia cearense não é mais baseada sobretudo nas atividades agropecuárias,sendo preponderante o setor terciário de comércio e serviços, com grandedestaque para o turismo. Apesar disso, aquelas ainda possuem grande relevânciana economia do estado, em especial a pecuária, mas há também crescenteimportância de cultivos não-tradicionais no estado, como a produção de frutas elegumes no Vale do Rio Jaguaribe e de flores na Serra da Ibiapaba e no Cariri. Desde2004 a economia cearense vem crescendo, moderada, mas sustentadamente, Em 2011, a economia cearense continuou acrescer acima da média nacional. O PIB cearense totalizou 84 bilhões, umaumento de 10 bilhões se comparado ao ano anterior, segundo dados preliminaresdo IPECE. Destacam-se na atividade agrícola: feijão, milho, arroz, algodão herbáceo,algodão arbóreo, castanha de cajú, cana-de-açúcar, mandioca, mamona, tomate,banana, laranja, coco e, mais recentemente, a uva. Na pecuária os rebanhos demaior representatividade são: bovinos, suinos, caprinos equinos, aves,asininos, carcinicultura e ovinos. Os principais recursos minerais extraídos dosolo cearense são: ferro, água mineral, calcário, argila, magnésio, granito, petróleo,gás natural, sal marinho, grafita, gipsita, urâneo bruto. O município de SantaQuitéria, na localidade de Itataia, possui uma das maiores reservas de urâniodo Brasil. Os principais setores da indústria cearense sãovestuário, alimentícia, metalúrgica, têxtil, química e calçadista.
VALE DO CURU

O comércio é muito marcante naeconomia do Ceará compondo o PIB do estado com mais de 70%.. A partir da década de 1960 houve umaprogressiva industrialização e urbanização, que ganhou impulso a partir dadécada de 1980, em parte devido à política de concessão de benefícios fiscais aempresas que se instalassem no estado.Atualmente, embora sendo ainda umaeconomia sub-industrializada em relação a vários outros estados do Brasil, aeconomia cearense não é mais baseada sobretudo nas atividades agropecuárias,sendo preponderante o setor terciário de comércio e serviços, com grandedestaque para o turismo. Apesar disso, aquelas ainda possuem grande relevânciana economia do estado, em especial a pecuária, mas há também crescenteimportância de cultivos não-tradicionais no estado, como a produção de frutas elegumes no Vale do Rio Jaguaribe e de flores na Serra da Ibiapaba e no Cariri. Desde2004 a economia cearense vem crescendo, moderada, mas sustentadamente, entre3,5% e 5% ao ano. Em 2011, a economia cearensecontinuou a crescer acima da média nacional. O PIB cearense totalizou 84bilhões, um aumento de 10 bilhões se comparado ao ano anterior, segundo dadospreliminares do IPECE . Destacam-se na atividade agrícola: feijão, milho, arroze algodão herbáceo, algodão arbóreo, castanha de cajú, cana-de-açúcar, mandioca,mamona, tomate, banana, laranja,coco e, mais recentemente, a uva. Recentementetem crescido um pólo de agricultura irrigada dirigida principalmente àexportação, em áreas próximas à Chapada do Apodi, dedicando-se especialmente aocultivo de frutas como melão e abacaxi. Outro destaque muito recente é o docultivo de flores, que tem ganhado importância especialmente na Cuesta daIbiapaba.

Na pecuária os rebanhos de maiorrepresentatividade são: bovinos, suinos, caprinos, equinos, aves, asininos, carciniculturae ovinos.

Os principais recursos minerais extraídosdo solo cearense são: ferro, água mineral, calcário, argila, magnésio, granito,petróleo, gás natural, sal marinho, grafita, gipsita, urânio bruto. O municípiode Santa quitéria, na localidade de Itataia, possui uma das maiores reservas deurânio do Brasil. Os principais setores da indústria cearense são vestuário,alimentícia, metalúrgica, têxtil, química e calçadista. O Ceará tem destaque nahistória e na pesquisa astronômica do Brasil.
PRAINHA

O governo do Ceará criou aprimeira secretaria estadual de cultura do Brasil em 1966. A instituiçãoorganiza e fomenta a cultura cearense e auxilia outras instituiçõesparticulares na manutenção das tradições da população do estado. A culturacearense é de base essencialmente européia e ameríndia, com algumas influênciasafro-brasileiras, assim como em todo o sertão nordestino. Com origens portuguesas e relevanteinfluência indígena, têm destaque a produção de redes com os mais diversosbordados e formas e intrincadas rendas feitas em bilros, talvez o maior destaqueda produção artesanal cearense, sendo uma arte tradicional no Ceará desde, pelomenos, o século XVIII. As rendas e oslabirintos possuem maior destaque nas imediações do litoral, enquanto ointerior se destaca mais pelos bordados . As pedras semipreciosas também sãoexploradas, transformadas em jóias criativas, sobretudo em Juazeiro do Norte, Quixadáe Quixeramobim. Ademais, o artesanato feito em madeira e barro se destacabastante, com produção de esculturas humanas, representando tipos da região;quadros talhados em madeira e vasos adornados. Outro importante item doartesanato cearense são as garrafas de areias coloridas, onde são reproduzidas,manualmente, paisagens e temáticas diversas. São ainda encontrados, em diversascidades cestarias, chapéus e trançados com variadas formas e desenhos feitos dapalha da carnaúba, do bambu e do cipó. Em diversas áreas do interior cearense,os cordéis, assim como os repentistas e poetas populares, especialistas noimproviso de rimas, ainda estão presentes e ativos, seguindo uma tradição queremonta aos trovadores e poetas populares da Idade Média lusitana. Outra forteinfluência portuguesa se encontra na grande importância das festas religiosasnas cidades de todo o interior, particularmente as festas de padroeiro, queestão entre as principais festividades da cultura cearense, abarcando não sócerimônias religiosas, mas também danças, músicas e outras formas deentretenimento, numa complexa mistura de aspectos sagrados e profanos.Destaca-se a Festa de Santo Antônio em Barbalha, famosa pelo pau da bandeirae comemorada nessa forma a 78 anos.
RENDEIRA

O gênero musical maisidentificado com o Ceará é o forró, em suas variadas formas, notadamente otradicional forró pé-de-serra. A fé sertaneja, muitas vezes associada aomessianismo e marcada por profunda relação com os santos, rituais e datasreligiosas, foi e continua sendo bastante influente na história cearense e noscostumes e festejos cearenses. A cidade de Juazeiro do Norte surgiu de umassentamento que, sob orientação do Padre Cícero, considerado pela fé popularum santo, tornou-se um local de peregrinação religiosa e, nos últimos anos,atrai milhares de crentes de vários locais do Nordeste. Outro local de grandeperegrinação religiosa no Ceará é a cidade de Canindé que abriga um santuárioimportante é o de Canidé, em devoção a São Francisco, considerado o maior das AméricasOsantuário Nossa Senhora Imaculada, Rainha do Sertão, em Quixadá, tem setornado outro centro de peregrinação católica.
PRAIAS
PADRE CÍCERO-JUAZEIRO DO NORTE

No Ceará é muito popular a vaquejada.São realizadas anualmente mais de cem vaquejadas e junto com este esporte o hipismotambém é bastante popular. Por ter um extenso litoral o Ceará também temdestaques em esportes náuticos e ligados ao litoral. O Ceará tem atrativosdiversos por todo seu território com destaque para o seu litoral que é bastanteexplorado. As praias de maior destaque são: Jericoacoara, a Praia do Futuro, a CanoaQuebrada e a Porto das Dunas, onde existe o Beach Park, um dos maiores parquestemáticos da América Latina.

video

video

MUSICA DA MULHER RENDEIRA




Nenhum comentário:

SOS  AO MUNDO PELA VENEZUELA... Hoje meu post não é sobre reallytie, desculpem-me, hoje estou inteira solidária com a Venezuela...