domingo, 28 de outubro de 2012

AFINAL, FANATISMO, IDOLATRIA OU IGNORÂNCIA NOS DEIXAM CEGOS, MUDOS E SURDOS? OU TUDO ISSO JUNTO É A AUSÊNCIA TOTAL DA CONSCIÊNCIA?



Desde que o mundo é mundo existem aqueles sentimentos nocivos que mancham a alma da gente! Começou em "Êxodo" com Adão e Eva quando experimentaram a tentação e consequentemente a desobediencia à Ordem do Criador, depois veio a inveja e a cobiça, através de Caim e Abel e proveniente desses sentimentos mesquinhos vieram vários outros, menores, maiores, piores, tristes, abomináveis, mas felizmente, ou através da vida, ou através do sofrimento, aprendemos, pelo menos a identificá-los e a experiencia, nos trás por eles a sabedoria e finalmente a generosidade de não atacá-los como na antiga lei, antes de Jesus, "dente por dente e olho por olho"...Vamos botar amor no coração gente! Que coisa absurda! Estamos no século XXI, a liberdade de expressão nos foi dada, vamos aprender a respeitar isso...Imaginem, o meu texto anterior, mais uma vez me colocou crucificada, porque externei minha opinião e vou continuar externando...Por que essas pessoas entram no meu blog? Existem outros na rede, outros que se encaixam nos perfis que discordam, o meu blog é para pensar, exercitar a cidadania, viajar comigo pelo Brasil, ler comigo uma leitura de excelente qualidade, mas só para mentes pensantes, trata-se de um best seller, meu blog usa a liberdade que conquistamos e se exorcisa de qualquer jugo de submissão de pensamento, aqui somos livres, porque existe incontestável troca de pensamentos, idéias e emoções, todo ele é pautado na emoção, nada visa benefício próprio, isso iria ferir seu objetivo maior que é a liberdade... Não ligo de ser contestada, acho até saudável, porque não detenho a verdade absoluta, detenho sim, a minha verdade e ela não é tímida, não tem vergonha de ser exposta...
Nunca ataquei Fael, maldade ou ignorância de quem interpretou assim, sempre gostei dele, sempre defendi ele, agora, gosto também de Noemi, talvez, com certeza, devo gostar mais dela, não sou obrigada a aplaudir todos os atos dele a medida que não concordo, mas isso não me faz não gostar dele. Apesar de gostar dela, reconheço seus defeitos, assim como os meus, reconheço também e falo fácil o que me incomodou no Fael, isso não desmerece ele em absoluto, é apenas minha opinião, digo isso, porque ouvi coisas hilárias depois de meu texto e só posso atribuir isso a um fanatismo exagerado, porque gostar, amar alguém, não isenta a pessoa de seus erros...Posso estar errada também e daí? Por acaso sou onisciente? A minha condição humana me dá esse direito, sou viva, sou errante, sou humana... Fael e Noemi também, até você que me lê e não entendeu também é passível de erros e enganos... Tomei meu partido, Noemi precisa mais de apoio do que Fael, ele está pronto, ela não...
As coisas que disseram, foram absurdas, tipo quantos cordõezinhos estou botando em Noemi, insinuando que ela é um fantoche...Que maldade, Noemi tem personalidade bastante para se posicionar e não se deixar influenciar por ninguém... Ouvi que eu tinha tido problemas com ela, não eu não tenho e nunca tive nenhum problema com ela, nossa relação é branda, limpa...Que eu estava querendo monopolizar Noemi. Respondo, não, não quero e não posso, porque minha vida não se resume a isso...Tenho marido, filhos e neto e uma casa inteira para administrar e garanto, minha família me preenche e é linda! Me ocupa e sempre será minha prioridade. disseram que eu falei que liderava a campanha, pura força de expressão, liderei com a ferramenta que tinha, na verdade a luta foi de todas as noemistas, cada uma com sua parcela e sua ferramenta, a minha foi meu blog. Falaram que eu estava atacando Fael...Por acaso externar, ou criticar uma postura é atacar? Como atacaria uma pessoa que sempre defendi? Questão de interpretação mal feita  de um texto. O que houve é que não concordei, não achei bacana algumas coisas, umas pude falar, outras não, porque sou ética e respeito meus amigos, mas eles sabem do que falo, apenas fui a porta voz mas concordo com tudo que disse... Quero que Noemi ao chegar no Brasil, seja feliz, encontre seus fãs, os amigos que fez aqui, que saia, passeie, dance e encante a todos. Essa lacuna eu não posso preencher, afinal tenho meu marido e minha familia, posso sim, dar à ela suporte, mas pobre da mente que teve esse lapso de maldade! Noemi é de vocês, do mundo, da vida, não me pertence e nunca tive essa pretenção, isso eu classifico de veneno feio. 
Aconselho, sinceramente, que interpretem as palavras e suas colocações, porque reconhecer e externar defeitos não é ataque, é uma postura e eu não me arrependo de nada que escrevi, porém não tenho a soberba de afirmar que estou certa, estou para mim agora, amanhã, a Deus pertence!
Gostar, apoiar, vibrar, tudo isso faz parte, mas cuidado, não sejamos fanáticos nem incapazes de reconhecer falhas, Fael pode ser maravilhoso, mas não é nenhum ser inatingível, é humano, como nós, pode errar, pode acertar, mas não deixem essa adoração chegar ao fanatismo, porque não é saudável nem bonito.
Quanto a mim, quem me acha um ser tão abominável, seria coerente não entrar no meu blog, isso deve ferir a alma, a minha feriria, eu não entro em blogs que não têm o meu perfil. Eu não ligo para quantidade de seguidores nem de acessos, meu blog é simples, caseiro, primário, é apenas meu hobby e ninguém vai me tirar o direito de ser o que sou e dizer o que eu sentir vontade de dizer... Sabe por que? Porque sou livre para externar minhas idéias, estejam elas certas ou não, pois assino cada palavra que escrevo e porque sou movida a emoção e coragem e em tudo que escrevo tem um pouco de mim, nada em mim fica subentendido, tudo é claro, transparente, sou isso, portanto, me amem ou me deixem, mas até para isso requer dignidade...

                               TRADUCCIÓN:

FINALMENTE, FANATISMO, IDOLATRÍA O IGNORANCIA NOS DEJAN CIEGOS, MUDOS Y SORDOS? O TODO ESO JUNTO ES La AUSENCIA TOTAL DE La CONCIENCIA?

Desde que el mundo es mundo existen aquellos sentimientos nocivos que manchan el alma de la gente! Comenzó en "Êxodo" con Adão y Eva cuando experimentaron la tentação y consecuentemente la desobediencia a la Orden del Creador, después vino la envidia y la codicia, a través de Caim y Abel y proveniente de esos sentimientos mezquinos vinieron varios otros, menores, mayores, peores, tristes, abomináveis, pero felizmente, o a través de la vida, o a través del sufrimiento, aprendemos, por lo menos a identificarlos y la experiencia, nos tras por ellos la sabiduría y finalmente la generosidade de no atacarlos como en la antigua ley, antes de Jesus, "diente por diente y ojo por ojo"...Vamos botar amor en el corazón gente! Que cosa absurda! Estamos el siglo XXI, la libertad de expresión nos fue dada, vamos a aprender a respetar eso...Imaginen, mi texto anterior, más una vez me colocó crucificada, porque externei mi opinión y voy a continuar externando...Por qué esas personas entran en mi blog? Existen otros en la red, otros que se encaixam en los perfiles que discordam, mi blog es para pensar, exercitar la ciudadanía, viajar conmigo por Brasil, leer conmigo una lectura de excelente calidad, pero sólo para mentes pensantes, se trata de un best seller, mi blog usa la libertad que conquistamos y se exorcisa de cualquier yugo de submissão de pensamiento, aquí somos libres, porque existe incontestável cambio de pensamientos, ideas y emociones, todo él es pautado en la emoción, nada visa beneficio propio, eso iría a herir su objetivo mayor que es la libertad... No conecto de ser contestada, hallo hasta saludable, porque no detengo la verdad absoluta, detengo sí, mi verdad y ella no es tímida, no tiene vergüenza de ser expuesta...
Nunca ataqué Fael, maldad o ignorancia de quien interpretó así, siempre me gustó, siempre defendí él, ahora, me gusta también de Noemi, tal vez, con certeza, debo gustar más de ella, no soy gracias a aplaudir todos los actos de él la medida que no concuerdo, pero eso no me hace no le gustar. A pesar de le gustar, reconozco sus defectos, así como los míos, reconozco también y hablo fácil lo que me incomodó en el Fael, eso no desmerece él en absoluto, es sólo mi opinión, digo eso, porque oi cosas hilárias tras mi texto y sólo puedo atribuir eso a un fanatismo exagerado, porque gustar, amar alguien, no redime la persona de sus errores...Puedo estar errada también y qué? Por casualidad soy onisciente? Mi condición humana me da ese derecho, soy viva, soy errante, soy humana... Fael y Noemi también, hasta usted que me lee y no entendió también es passível de errores y engaños... Tomé mi partido, Noemi necesita más de apoyo del que Fael, él está pronto, ella no...
Las cosas que dijeron, fueron absurdas, tipo cuantos cordõezinhos estoy botando en Noemi, insinuando que ella es un títere...Que maldad, Noemi tiene personalidad bastante para se posicionar y no dejarse influenciar por nadie... Oí que yo había tenido problemas con ella, no yo no tengo y nunca tuve ningún problema con ella, nuestra relación es blanda, limpia...Que yo estaba queriendo monopolizar Noemi. Respondo, no, no quiero y no puedo, porque mi vida no se resume a eso...Tengo marido, hijos y neto y una casa entera para administrar y garantizo, mi familia me llena y es linda! Me ocupa y siempre será mi prioridad. dijeron que yo hablé que lideraba la campaña, pura fuerza de expresión, lideré con la herramienta que tenía, en la verdad la lucha fue de todas las noemistas, cada una con su parcela y su herramienta, la mía fue mi blog. Hablaron que yo estaba atacando Fael...Por casualidad externar, o criticar una postura es atacar? Como atacaría una persona que siempre defendí? Cuestión de interpretación apenas hecha  de un texto. Lo que hube es que no concordé, no hallé bacana algunas cosas, unas pude hablar, otras no, porque soy ética y respeto mis amigos, pero ellos saben del que hablo, sólo fui la puerta voz pero concuerdo con todo que dije... Quiero que Noemi al llegar en Brasil, sea feliz, encuentre sus fans, los amigos que hizo aquí, que falda, pasee, baile y encante a todos. Esa laguna yo no puedo llenar, finalmente tengo mi marido y mi familia, puedo sí, dar a la ella soporte, pero pobre de la mente que tuvo ese lapso de maldad! Noemi es de vosotros, del mundo, de la vida, no me pertenece y nunca tuve esa pretenção, eso yo clasifico de veneno feo.
Aconsejo, sinceramente, que interpreten las palabras y sus colocaciones, porque reconocer y externar defectos no es ataque, es una postura y yo no me arrepiento de nada que escribí, sin embargo no tengo la soberba de afirmar que estoy correcta, estoy para mí ahora, mañana, a Dios pertenencia!
Gustar, apoyar, vibrar, todo eso forma parte, pero cuidado, no seamos fanáticos ni incapaces de reconocer fallos, Fael puede ser maravilloso, pero no es ninguno ser inatingível, es humano, como nosotros, puede errar, puede acertar, pero no dejen esa adoração llegar al fanatismo, porque no es saludable ni bonito.
Cuánto a mí, quien me halla un ser tan abominável, sería coerente no entrar en mi blog, eso debe herir el alma, la mía heriría, yo no entro en blogs que no tienen mi perfil. Yo no conecto para cantidad de seguidores ni de accesos, mi blog es simple, casero, primário, es sólo mi hobby y nadie va a quitarme el derecho de ser lo que soy y decir lo que yo sentir gana de decir... Sabe por qué? Porque soy libre para externar mis ideas, estén ellas correctas o no, pues firmo cada palabra que escribo y porque soy movida la emoción y coraje y en todo que escribo tiene un poco de mí, nada en mí queda subentendido, todo es claro, transparente, soy eso, por lo tanto, me amen o me dejen, pero hasta para eso requiere dignidad...
 
 DEIXO ESSE TEXTO PARA REFLEXÃO:
  Ao pesquisar as derivações da palavra idolatria encontramos as suas origens no grego - eidolatreia - e no latim - idololatria. A conceituação, porém, é a mesma em qualquer lugar do mundo: culto prestado a ídolos, adoração, amor exagerado.
Fanatismo, por sua vez, deriva do latim fanaticus e quer dizer: paixão cega que leva alguém a excessos em favor de uma religião, doutrina, partido, etc. É quando, normalmente, os aspectos passional e emocional da pessoa superam o raciocínio devidamente equilibrado.
Por este motivo, torna-se cada vez mais importante, e até imprescindível para a nossa integridade mental, fazermos uma triagem das informações que diariamente recebemos através dos sentidos. Questionar e fazer análises críticas destes conteúdos são princípios básicos para quem não quizer se deixar levar pela influência consumista desta verdadeira "avalanche" de informações que nos chega da mídia.
O estar situado no "aqui e agora" é como estar protegido por um pára-raio e um fio terra onde a energia negativa (e externa) será descarregada sem nos atingir. E à medida em que estivermos com a mente limpa saberemos direcionar a nossa própria energia (a interna) no comando das nossas ações e decisões. Isto é sabedoria!
A idolatria e o fanatismo nos levam ao vício e à dependência psicológica. É quando, exageradamente, transferimos o nosso amor - ou a falta dele - a um objeto, a uma causa ou a uma pessoa. A partir desta situação de submissão nos "prendemos" a ícones ou dogmas que passam a comandar nossas vidas e a ditar regras e padrões de comportamento.
A mente liberta é aquela que percebe, observa e analisa. Porém, não busca refúgio em si mesmo escondendo-se como se fosse um caramujo, mas na relação com o "outro" e na natural busca da evolução mediante o uso de seus códigos próprios e secretos que escolheu para si na sua forma de agir e interagir com o mundo.
A mensagem de Jesus deixada entre nós é clara quando refere-se ao amor como uma inesgotável fonte de energia que se encontra em nós e no outro como forma de relacionamento. É somente através das múltiplas aprendizagens resultantes das nossas relações inter-pessoais que poderemos despertar para o crescimento consciencial. O amor incondicional de Cristo não pertence a nenhum dogma ou ideologia e não é propriedade de ninguém. Sejamos, portanto, livres para as nossas próprias escolhas e decisões de vida.
(FLAVIO BASTOS)

Um comentário:

Anônimo disse...

GENESES, INICIO FOI EM GENESES. MUAKKKK

ATÉ O BURRO VOLTA COM ESSE MENINO (MARCOS) O cúmulo do cinismo assistimos hoje, na indignação de Conrado ao ser indicado por Marcos...