Páginas

sábado, 18 de maio de 2013

GLORIFICAR, GLORIAR, NOSSA ESPETACULAR GLORIA PEREZ...

 
ELA É A GLÓRIA!
 
Poucas pessoas no meio, nutro uma admiração parecida, como a que nutro por Glória Perez... Ela tem um poder dentro dela, admirável, que só os líderes, os gênios, os visionários e profetas têm, que é a superação! Viva essa grande e espetacular escritora, autora, visionária, profeta, louca, sensível e mulher, que acaba sua trama com tapete vermelho, nos mostrando mais uma vez, sua enorme capacidade de ver o que ainda não vimos, ou nunca quisemos ver, porque é mais cômodo, essa mulher que puxa a sujeira do tapete e trás a luz, tudo que está oculto... Bravo guerreira! Do meio e guerreira da vida, você me remete a  esperança, já adormecida nos seres humanos.
Assistindo, Ana Maria Braga, vi a entrevista dela com Gloria Perez e foi impossível não me emocionar... Primeiro por sua coragem em expor um tema que todos sabemos que existe mas não tocamos nele... Hoje, falamos de tráfico humano, com naturalidade, graças a ela. Depois, a emoção veio pela coragem de contra a lógica e contra tudo, impor Nanda Costa como sua protagonista, porque sua intuição, é de alguém que está bem além de qualquer lógica e qualquer prática... Nanda arrebentou, mostrou todo seu talento e Glória apenas constatou que sua intuição é um dom próximo do divino!
Foi lindo ver uma autora apostar em novos talentos e ser tiro certeiro... deixar poderosos de queixo caído! Foi lindo nos poupar um pouco de caras repetitivas e que já nos cansamos... Apostar no Adriano Garib, que fez o Russo, foi demais! Que ator maravilhoso, um professor competente da CAL, que sabe tudo de dramaturgia e que o público não conhecia... Que prazer ver lírios e rosas desabrocharem e sentir o ofício de ator ser dignamente apresentado, ver nitidamente a competência e talentos tão preciosos, que estavam ocultos, serem mostrados... Palmas para Gloria, palmas para Nanda, para Adriano, para os diretores, para a harmonia e energia tão branda e branca que nos fez sentir... Palmas para a emoção que me arrancou lágrimas em muitas cenas! 
Minha admiração e aqui me curvo, respeitosamente,  para saudar uma das maiores autoras desse país, quiçá, do mundo, que nos mostrou toda sua arte, sua coragem e sua superação.

Nenhum comentário:

AGRADECIMENTOS:

Contribuição e composição visual do blog anabiavaz@gmail.com