quinta-feira, 26 de março de 2015

 

"A AMIZADE É UMA PREDISPOSIÇÃO RECÍPROCA QUE TORNA DOIS SERES IGUALMENTE CIOSOS DA FELICIDADE UM DO OUTRO."
PLATÃO
 
 
Adrilles surpreendentemente, incorporou seu lado traidor, invejoso e malvado. Juntamente com Fernando e Amanda saborearam na maior sordidez o tema "Marisa", ele, se esquecendo da grandeza de sua então amiga, com o colar do anjo que lhe garantiu imunidade no pescoço, mesmo lhe custando um paredão antecipado e injusto naquele momento. Sem piedade, sem respeito, detonaram uma pessoa que só merece as honras desse jogo e que seu mal, foi ser amiga desse estrume até o último instante... Ali vimos, como as pessoas demoram a mostrar seu verdadeiro caráter... Ele a culpou pelo desprezo de Tamires por ele, ora poeta, acorda para a vida, Tamires não suportava sua presença, levava ele na chacota e no chicote e segundo ela mesma disse, queria sair porque ele a estava desestabilizando, Marisa não tem nada a ver com isso, ela apenas errou em protegê-lo de maiores vexames e lhe deu colo, coitada, estava equivocada. Que coisa feia poeta, aliás poeta de merda, cheio de maldade na alma, esquecendo a tão aclamada sensibilidade da alma e do espírito da poesia. Resumindo esse papelão, chega-se a conclusão que mais do que nunca Marisa lutou ali naquela casa, contaminada por maldade, sozinha, ela pensava que tinha um amigo, mas já deve saber que não tem e nunca teve, porque esse amigo era uma utopia, ele a olhava com maus olhos. Ela não ganhou o prêmio máximo, mas saiu limpa desse bordel, com a cabeça lindamente erguida e podendo dizer com toda propriedade "preferi ser Marisa", que lindo isso, estará em nossas lembranças como uma mulher íntegra e a saudade é justa e inevitável.
ESSE É O BBB DA SAFADEZA, DAS FALCATRUAS E DOS MAUS...
 
Ontem, na festa, assistimos a um teatro de quinta categoria, dos mais baixo nível que já vi, até as moças do calçadão são mais competentes, por favor...
Fernando e Amanda, com esse script falido, tentaram a todo custo comover o público, imaginem uma "Teresa Batista" cançada de guerra, burra velha, com balé de calçada para por Ana Botafogo no chinelo, chorar e chamar por mamãe? Será que na hora que ela abriu as pernas pensou na sua mãezinha, que pasmem, aprova o envolvimento... Credo! Será que nas horas em que ela mentiu descaradamente sobre Aline ela pensou na mamãe? Ou será, na pior das hipóteses que ela tem a mais convicta certeza que somos todos otários? Que estamos caindo nessa historinha de que nunca escutou um "eu te amo"... Isso eu não me espanto, porque qual homem, em sã consciência pode amar uma mulher tão podre e mentirosa? Ela quer realizar seu ultimo sonho, esfregar Fernando na cara de Aline, mal sabe a leviana que Aline não tem o menor interesse em sequer olhar para eles, é que ela não entende o que é vergonha na cara, integridade e amor próprio... Muda o script vagaba, esse está desgastado e ridículo.
 
Fernando, ou Judas por sua vez, já querendo se livrar do encosto porque escutou o povo gritar por Aline e isso já lhe deu um sinal que a sua peguete não é tão forte assim... É tarde bonitão, na hora de comer a carne nem pensou em Aline, agora roa os ossos que é o que lhe resta e sai desse papel de meio arrependido porque a merda já se espalhou.
 
MINHA HOMENAGEM A MARISA:
TRAIÇÃO
Hoje,
que as memórias se esvaem
e os amigos fogem de mim,
só tenho minhas poesias
como amigas
confidentes,
 mesmo assim,
 impertinentes,
sem rima e vazias
não inspiram a menor confiança:
elas também me traem.
Ivone Boechat
 

Nenhum comentário:

TROCARAM AS ESTAÇÕES MAS NADA MUDOU... Andei lendo que Carelli planeja uma respecagem. Nada mudou, a Record continua apostando as f...