Páginas

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

BULLYING REVERSO


BULLYING VÍDEO 1



BULLYING VÍDEO 2


 
MARCELO TASS BULLYING VÍDEO 3

BULLYING REVERSO? O QUE É ISSO? É O NOVO TERMO QUE A TORCIDA DE BARBARA INVENTOU PARA SUA DEFESA OU PARA MAIS UM ATAQUE A DENISE ROCHA... KKK... BULLYING É BULLYING NÃO TEM DESCULPA...
 
 


"Bullying reverso

Uma mulher procura um advogado e afirma que queria processar TODOS os colegas de trabalho do sexo masculino por BULLYING REVERSO.
O advogado que ela consultara pergunta surpreso:
- Bullying eu entendo que possa ser passível de processo, mas, reverso? Como assim? "
 
MEUS QUERIDOS LEITORES BULLYING É ISSO VEJAM NOS VÍDEOS 1 E 2.

 
O QUE É BULLYING PERANTE A LEI:
 
"Bullying é uma situação caracterizada por atos agressivos verbais ou físicos de maneira repetitiva por parte de um ou mais indivíduo contra uma ou mais pessoas. O termo inglês refere-se ao verbo “ameaçar, intimidar”.
 Grande parte das pessoas confunde ou tende a interpretar o bullying simplesmente como a prática de atribuir apelidos pejorativos às pessoas, associando a prática exclusivamente com o contexto escolar. No entanto, tal conceito é mais amplo. O bullying é algo agressivo e negativo, executado repetidamente e ocorre quando há um desequilíbrio de poder entre as partes envolvidas. Desta forma, este comportamento pode ocorrer em vários ambientes, além da escola: em universidades, no trabalho ou até mesmo entre vizinhos.
 Básicamente, a prática do bullying se concentra na combinação  entre a intimidação e a humilhação, das pessoas geralmente mais acomodadas passivas ou que não possuem condições de exercer o poder sobre alguém ou sobre um grupo. Em outras palavras, é uma forma de abuso psicológico, físico e social.
No ambiente de trabalho, a intimidação regular e persistente que atinge a integridade e a confiança da vítima é caracterizada como bullying. Entre vizinhos, tal prática é identificada quando alguns moradores possuem atitudes propositais e sistemáticas com o fim de atrapalhar e incomodar os outros.
Claro que não se pode banir as brincadeiras entre pessoas no ambiente social. O que precisa é distinguir o limiar entre uma piada aceitável e uma agressão. Ao perceber o bullying, deve-se  corrigir a pessoa. Em casos de violência física, deve-se tomar as medidas devidas. Bullying só se resolve com o envolvimento de todos. Não se cale, aponte, denuncie."
 
 
SORRY TORCIDA DE BARBARA! NÃO ENTREM NA MINHA TL PARA ME FALAR BURRICES, QUANDO ENTRAREM PROCUREM ALGUÉM QUE SAIBA FALAR SÉRIO E DEPOIS O TWITTER É MEU, FALO E DESFALO O QUE QUISER COMIGO VOCÊS VÃO TER QUE RALAR PARA A PRÁTICA DE CYBERBULLYING. VAI NO ADVOGADO SABER DO QUE SE TRATA E VAI LÁ GRITAR NO TWITTER QUE MONIQUE TEM PODER! DEPOIS DISSO LINDINHOS ENCERRO MEU POST.
 
 
OU SEJA MEUS AMORES, RESUMINDO: NÃO EXISTE E NUNCA EXISTIU BULLYING REVERSO ISSO É DESCULPA DE PILANTRA PARA SE DEFENDER, BULLYING É BULLYING EM QUALQUER LUGAR...

Nenhum comentário:

AGRADECIMENTOS:

Contribuição e composição visual do blog anabiavaz@gmail.com